Como usar os "porquês"?

Uma das dúvidas mais comuns dos internautas é o uso dos "porquês". Cada ano eu procuro explicar a questão de um jeito diferente e mais didático. Tentarei ser mais objetivo dessa vez. Vamos lá... 

O "porque" é usado para responder. 


"Lavei a roupa porque a máquina pifou". 

O "porquê", com o ^, é usado quando usamos o artigo "o" na frente dele. Ex: 


"Não entendo o porquê de você ter lavado a roupa".

Já o "por que" é usado para perguntar. O ^ indica se ele está ao lado do ?. Caso ele não esteja ao lado do ? não usaremos o ^. 

Por que você lavou a roupa?
Você lavou a roupa por quê?
Você lavou a roupa? Por quê?

O slogan da Omo é uma resposta para uma pergunta imaginária ("porque se sujar faz bem"). Poderia ser "por que devo deixar meu filho se sujar?". Resposta: "porque se sujar faz bem". Acredito que o slogan poderia ser simplesmente "se sujar faz bem". De todo modo, eu acho que as mães não devem gostar muito dele.


Foto: Eu publico artigos no Gramaticando desde 2010. Porém, já escrevo sobre gramática desde 2007 e sempre mudo e atualizo as minhas explicações. 

Uma das dúvidas mais comuns dos internautas é o uso dos "porquês". Cada ano eu procuro explicar a questão de um jeito diferente e mais didático. Tentarei ser mais objetivo dessa vez. Vamos lá... 

O "porque" é usado para responder. Ex: "Lavei a roupa porque a máquina pifou". 

O "porquê", com o ^, é usado quando usamos o artigo "o" na frente dele. Ex: "Não entendo o porquê de você ter lavado a roupa".

Já o "por que" é usado para perguntar. O ^ indica se ele está ao lado do ?. Caso ele não esteja ao lado do ? não usaremos o ^. 

Ex: Por que você lavou a roupa?
Você lavou a roupa por quê?
Você lavou a roupa? Por quê?

No caso da imagem, o slogan da Omo é uma resposta para uma pergunta imaginária ("porque se sujar faz bem"). Poderia ser "por que devo deixar meu filho se sujar?". Resposta: "porque se sujar faz bem". Acredito que o slogan poderia ser simplesmente "se sujar faz bem". Porém, eu acho que as mães não devem gostar muito dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário